Demência

A demência é uma doença comum, que costuma atingir em sua maior parte idosos a partir dos 65 anos. Isso não significa que a doença atinja somente idosos a partir dessa idade. Há casos de pessoas jovens que a partir do consumo abusivo de determinadas substâncias ou após sofrer uma grave lesão, tornaram-se dementes.
Demência é uma doença que faz com que ocorra a perda da função cerebral. Nela há diversos sintomas que afetam de forma direta a vida do indivíduo.
Essa doença pode fazer com que o indivíduo possua dificuldade em raciocinar, perda de memória e pode afetar também a linguagem e até mesmo alterar a personalidade da pessoa.
A demência pode ser caracterizada também como um termo designado para um grupo que abrange diversas doenças como Alzheimer e demência vascular, por exemplo.

Leia Também:

Sintomas da Demência

Os sintomas da demência variam muito de acordo com a causa, no entanto os sintomas mais comuns são:
     A perda de memória, onde a pessoa começa a esquecer nome de objetos, esquecer dos lugares e até mesmo de pessoas da própria família;
     Pelo fato da doença afetar o raciocínio e a fala, é comum que haja uma maior dificuldade na comunicação;
     A doença impede que a pessoa consiga resolver tarefas mais complexas. Dessa forma é possível observar uma grande dificuldade nessa área;
     O indivíduo passa a ter dificuldades em realizar qualquer tipo de planejamento e não consegue manter organização;
     Há a dificuldade com funções e tarefas que envolvam a coordenação motora, onde pode haver inclusive a presença de tremores sem causa aparente;
     É possível observar que uma pessoa com a doença fica desorientada. Justamente pela perda de memória frequente é possível que a pessoa fique desorientada, sem saber onde está (mesmo que conheça o local), aumentando as chances de se perder;
     A doença pode alterar a personalidade da pessoa, fazendo com que ela comece a agir de forma totalmente estranha, como se fosse uma outra pessoa e inclusive com comportamentos inadequados;
     Um demente não é capaz de estabelecer razão;
     Há paranóia e agitação;
     É comum também a ocorrência de alucinações.

Causas da demência

A demência pode ter como causa muitas doenças; nesse caso a demência passa a ser uma consequência de determinada doença. Mas há outros fatores que também contribuem para o problema.
As outras principais causas são a idade, que como já foi dito anteriormente, essa doença costuma atingir idosos a partir dos 65 anos. Além disso, o histórico familiar também contribui para o surgimento de demência no indivíduo.
Pessoas que possuem em seu histórico familiar demências e síndrome de Down possuem grandes chances de sofrer com o problema em idade avançada.

Tratamentos para Demência

O objetivo do tratamento da demência é aliviar e controlar os sintomas da doença. Por isso o tratamento varia muito de pessoa para pessoa, pois é necessário tratar de acordo com a real causa do problema.
Existem alguns casos em que é necessário a internação do paciente por um curto período para que o tratamento possa ser realizado de modo eficaz.
Geralmente o tratamento da doença é realizado através de medicamentos específicos para cada doença a fim de retardar ou amenizar o quadro da doença.

Prognóstico Demência

O tratamento ajuda muito a combater e retardar os sintomas da demência. Porém, a demência é uma doença que não possui cura. O tratamento após iniciado deve ser feito de forma contínua para manter tudo sob controle. Além disso, existem casos em que a doença pode ser reversível, mas são poucos.
A doença infelizmente impede que o indivíduo possua uma vida normal, já que ele tem a memória e raciocínio afetados, além da dificuldade de comunicação.

Lembre-se...

A demência é uma doença que afeta totalmente a qualidade de vida do indivíduo. Os idosos, em especial, quando diagnosticados com a doença, muitos são colocados em abrigos. Essa atitude apenas piora o quadro clínico do paciente. Eles necessitam muito da família nesse momento.

Postar um comentário

Blogger