Meu marido não me procura mais


De tempo em tempo alguma pergunta passa predominar nos comentários e e-mails que eu recebo no Psicologo SP.com. Atualmente muitas mulheres chegam até mim se queixando do desinteresse do marido e associando isso a uma possível infidelidade. Antes de chegar a uma conclusão tão extrema é necessário que levarmos em consideração alguns fatores. Em outras palavras quero ajudar a repensar alguns preconceitos e ideias errôneas que te levariam a conclusões precipitadas. Sim esse é um dos manejos que um psicólogo (pelo menos os cognitivos comportamentais) usam durante a psicoterapia.
  

  • O que os homens falam e o que eles são realmente são
    Todo homem deseja ser uma “máquina sexual” que não falha e está sempre pronto todas as vezes que for solicitado, entretanto, a realidade não é bem essa, principalmente quando falamos de adultos. Assim como ocorre com as mulheres a libido masculina é influenciada por fatores fisiológicos, emocionais e ambientais que tanto podem intensifica-la quanto minimizá-la, vejamos algumas hipóteses que podem estar ocorrendo com seu cônjuge:
         ·       Sinais de que seu casamento vai mal
         ·       25 dicas para salvar o seu casamento


    Estresse: O stress mina as energias (tanto físicas quanto mentais) de uma pessoa fazendo com que ele se sinta pouco disposto a fazer qualquer coisa, como trabalhar, estudar e amar. No mundo moderno ninguém está livre do estresse, mas quando ele atinge graus muito altos passa a prejudicar todos os setores da vida de uma pessoa.
      
    Depressão: todo mundo acredita que compreende e é capaz de identificar a depressão, porém na maioria das vezes quem sofre desse mal não apresenta sinais tão evidentes, principalmente quando o problema está no início ou se trata de uma pessoa com uma rotina muito intensa. Um dos sintomas dessa doença e diminuição do interesse sexual, seu parceiro pode estar sofrendo desse mal e você e ele mesmo não foram capazes de perceber.

    Impotência sexual: esse é um sintoma comum a vários problemas de saúde que vão da pressão baixa, passam pela diabetes e chegam a conflitos psicológicos sendo que entre esses existem inúmeros outros. Esse problema atinge boa parte da população masculina, inclusive jovens. No entanto ainda é difícil para quem está passando por isso admitir para a parceira e procurar ajuda adequada. O mais provável é vê-lo apelar dissimuladamente a energéticos, ervas afrodisíacas e ao famoso comprimido azul...

    Excesso de preocupações: para um homem se excitar é necessário que sua mente esteja concentrada em algo sensual, quando ele passa a pensar em outra coisa a excitação (e a ereção) se vai. Uma pessoa que está rodeada de problemas ou com um grande problema nas mãos pode simplesmente não estar com “cabeça para aquilo”.

    Você é que está mais acessa: a nossa excitação sexual é demandada pela nossa produção de hormônios que nos homens atinge seu pico mais ou menos aos 25 anos e passa diminuir gradativamente ao longo dos anos. Nas mulheres o pico hormonal se dá em torno dos 35/40 anos, nessa faixa a mulher está no auge da sua atividade sexual ao ponto que o parceiro já está diminuindo o ritmo. Se estão nessa faixa de idade é possível que você esteja procurando ele mais do que antes.

    Ele está cansado de você: como é possível querer dar prazer a alguém que só te irritar e exigir o tempo todo? Para as pessoas (homens e mulheres) que fazem sexo pensando apenas em si mesmas, não importa se estão com raiva do parceiro o vale a própria satisfação. Porém aqueles que são mais preocupados com a satisfação do par as coisas funcionam diferente, para estes é muito difícil conseguir amar alguém que o está chateando.
     
     Você deixou de ser atraente para ele: vamos entrar aqui no ponto mais polêmico dessa já polemica postagem.
    Para um homem atração sexual e amor não estão diretamente interligados, ele pode amar muito uma mulher a ponto de dar a própria vida por ela, porém isso não implica que ele estará sexualmente atraído. Do mesmo modo sentir-se atraído por uma mulher não significa que ele a ame. Para a maioria das mulheres isso soa quase que impossível (para outras soa normal), mas é assim que a mente de quase todos os homens funciona (a maioria esmagadora, mas não todos).
    Com essa explicação quero deixar claro que a possibilidade do seu marido não te achar mais atraente, não significa que não te ame mais. Lembre-se que a rotina diária e descuido com a aparência afeta tanto você quanto ele, entretanto os homens são estimulados quase que exclusivamente pela visão.

    Infidelidade: Essa pode ser de fato a causa da perca de interesse do seu parceiro, principalmente se ela ocorreu de maneira repentina. Porém não se limite a essa hipótese se baseando apenas no desinteresse do seu cônjuge. Tente verificar outros sinais de uma possível traição antes de acusar o seu par.
         ·       Como descobrir uma traição
         ·       O que fazer após uma traição

    O que você pode fazer?
    Não existe dica ou truque nesse caso, a solução é ter uma conversa franca e aberta com o seu parceiro e tentar descobrir o que anda acontecendo com ele e acetar o ponteiro entre vocês. Lembre-se que uma conversa não é uma briga onde existe um certo e um errado e um perde e outro ganha. Se começar seu dialogo achando que o seu companheiro que deve mudar e você permanecer do mesmo modo então saiba que está empurrando ele para longe de você.

    Postar um comentário

    Blogger
    1. Muito bom esse documentário pq estava aqui agr literalmente chateada pq meu esposo não me procura sempre eu q tenho q i atraz ,é só temos 3 meses de casados porém ele tem 45 anos e eu 22 e ainda estamos passando por uma fazer muito difícil . Entao me ajudou muito 😘😘😘😘

      ResponderExcluir