Ads (728x90)

.

Já perdoei traição outras vezes, mas isso sempre se repete

Quem ama de verdade aprende a perdoar e aceitar as falha e os defeitos do outro, mas quando estamos falando de traição será que essa regra se aplica?  O tema é bem complicado e traz várias dúvidas, por isso mesmo receba dezenas de perguntas por dia relacionado a esse assunto. Não estou aqui para lhe dizer o que fazer, entretanto gostaria de esclarecer alguns pontos e desse modo facilitar a sua decisão.

A sua situação
O seu/sua namorado (a) ou companheiro (a) possui um histórico de traições. Talvez algumas tenham sido confirmadas enquanto para outras faltaram provas. Agora você descobriu uma recaída dele ou dela. A pergunta é: devo perdoá-lo (a) novamente ou devo dar um basta nessa situação?

Você tem certeza dessa traição?
Após uma traição aquele que foi traído perde a confiança no traidor e por vezes passa a enxergar infidelidade nos locais a onde ela não existe, sendo assim, antes de concluir que está ocorrendo um novo adultério certifique-se de isso é verdade.
       ·         Como descobrir uma traição

Ciúme patológico: existem pessoas que sofrem com traições que só ocorreram em suas mentes e os seus parceiros por conta do medo ou em nome da paz, por vezes mentem que praticaram traição apenas para satisfazer a vontade do ciumento. Entenda mais lendo Ciúme patológico.

OBS: É comum que o adultero tente fazer o traído (a) acreditar que tudo não passa de imaginação ou fantasia da cabeça dele. Sendo assim, apesar de difícil, o ideal é que exista alguém com quem você possa considerar as suas incertezas e desconfianças. Conheça o livro Método Descubra Infidelidade 

Por que ele/ela me traí?
Tão doloroso quanto descobrir uma infidelidade é não conseguir entender por que ela aconteceu.
As traições acontecem principalmente por problemas do traidor (necessidades, caprichos, índole, etc.). Se quiser entender melhor leia o artigo infidelidade feminina
Porém tenho tido contato com casos em que aquele que trai deseja terminar a relação, mas não tem corajem de dar o basta e procura fazer com que o outro termine (comum em homens). Eu também tenho visto casos em que aquele que traí está insatisfeito com a relação, porém é incapaz de ficar sozinho (a)  pessoas assim traem por estar procurando um novo parceiro (a) sem ter terminado com o atual (parece absurdo mas acontece muito).

O que fazer?
Por mais que uma segunda traição pareça
A verdade é que para a pessoa que trai ser perdoada várias vezes é a certeza de que sempre poderá voltar, ou seja, está em uma posição confortável. Quem se encontra em uma posição assim raramente muda.Nesse caso quem deve mudar é você:

        Considere se vale à pena:  estar ao lado da pessoa que você ama traz prazer e alegria certo? Porém sofrer traição lhe trás dor e sofrimento além de ter que viver em eterna incerteza de estar sendo traído novamente. A sua alegria de estar ao lado dessa pessoa compensa o sofrimento?

Tente uma estratégia diferente:

Qual tem sido a sua reação diante das traições? É sempre as mesmas ou elas mudam? Tente agir de outro modo para ver se as ações do seu/sua companheiro (a) mudarão.  No artigo Fui traída (o) o que faço agora? Eu dou algumas sugestões do que você pode fazer  

Mude seu jeito de ser: Talvez seja hora de ar uma repaginada no seu visual e modificada no seu comportamento. Talvez você seja um bom marido ou esposa, bom pai ou mãe, mas não é quem seu companheiro (a) deseja. Nesse caso uma mudança no seu jeito de ser pode fazer com que o interesse e romantismo voltem.
Vença a dependência emocional: já parou para se perguntar por que você se sujeita a permanecer refém dos caprichos dessa pessoa? Será amor de verdade? Lembre-se que o amor verdadeiro não te faz sofrer, pelo contrário te faz se sentir muito bem. Por outro lado a necessidade de estar ao lado de uma pessoa pode ser na verdade uma doença. Entendo sobre o que eu estou dizendo lendo: Dependência Emocional.

Coloque um fim nisso: A forma certa de que você não vai mais passar pela experiência de ser traído (a) e perdoar de novo é dando fim a esse ciclo vicioso e terminando de vez essa relação. Claro que isso tem conseqüência, mas os textos abaixo podem te ajudar:
            ·         Como terminar um relacionamento
            ·         Superando o fim de um relacionamento
            ·         Tenho medo de me divorciar                                                                             

Postar um comentário

Blogger