Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2013

Como manter uma decisão?

Imagem
     Como manter uma decisão     Quantas vezes você determinou mudar algo na sua vida: parar de fumar, largar quem não te dá valor, ser mais organizado (a) ou tomou qualquer decisão importante, mas simplesmente não conseguiu manter a sua promessa? Tire da sua cabeça a ideia de que é um completo fracasso, pois todos os dias milhares de pessoas decidem coisas que não conseguem cumprir. Isso não acontece por que elas são fracas, e sim por que existe toda uma “ciência” por trás de tomar uma decisão e mantê-la. Por esse motivo o Psicologo.com vai ensinar os passos necessários para manter suas decisões.   Saiba por que quer mudar     Já falei sobre isso em outras postagens, no entanto vale a pena relembrar. Quando se quer mudar algo em si mesmo ou na sua vida se torna fundamental ter clareza sobre o que motiva esse desejo. Pergunte a si mesmo(a): Por que deseja mudar? No que seu atual jeito de ser está te prejudicando? Quando as razões não são suficientemente fortes fica dif

Teste: Eu preciso de Terapia?

Carregando...

O que é ser normal?

Imagem
O que é ser normal?      Normal vem de norma que significa regra. Na maioria dos casos, ser normal quer dizer está dentro da média. Por isso o conceito de normalidade é relativo, afinal o que pode ser aceitável em lugar pode ser anormal em outro. Por exemplo, na China se come escorpiões, isso é perfeitamente aceitável lá, mas se alguém resolve comer escorpiões no Brasil vai ser considerado um esquisito.     Quando se fala de comportamento humano o conceito de normalidade se torna muito amplo, pois todos nós possuímos alguma excentricidade. Desde que isso não nos cause conflitos, não impeça de trabalhar ou de ser feliz, não há motivos para ser considerado anormal ou maluco.      Daniel Offer e Melvin Sabshin concluíram que a normalidade poderia ser definida em quatro perspectivas: normalidade como saúde, normalidade como utopia, normalidade como média e normalidade como processo.      Normalidade como saúde      É o enfoque do modelo médico tradicional, e ne

O que é timidez?

Imagem
O que é timidez?      Existem muitas definições sobre o que é timidez, porém prefiro defini-la como o padrão de comportamento de evitar situações de interação social, isso é motivado por sentimentos de inibição e insegurança frente a outras pessoas. Isso mesmo, quem é tímido tem como principal preocupação aquilo que os outros poderão pensar a respeito daquilo que ele diz, faz ou sente. Desse modo a timidez está ligada ao medo de ser avaliado negativamente ou rejeitado por outras pessoas.     A timidez por vezes é traduzida como sinônimo de inibição, e de fato é um pouco difícil destingi-las. A inibição é um sentimento também relacionado ao medo de ser avaliado pelo outro. Entretanto a inibição ocorre em situações específicas, como por exemplo, ao ter que falar em público ou ao pedir informação a um estranho, já a timidez é um traço de personalidade. Sinais ou sintomas de timidez: Ø   Excesso de auto-avaliação negativa Ø   Baixa autoestima Ø   Sentimentos d

Como superar o fim de um relacionamento

Imagem
        O amor é algo que deve trazer alegria, deve nos fazer felizes e satisfeitos com a nossa vida. Porém muitas relações são marcadas por sofrimento, desentendimentos, traições e brigas.  Nestes casos por um fim no relacionamento é com toda a certeza a melhor solução. O que ocorre é que mesmo sabendo que uma relação foi desastrosa existe a dificuldade em aceitar o fim dela. Afinal se dedicou boa parte de seu tempo e de sua energia para que ela desse certo.  Nesse artigo eu, Cesar Borella, irei tentar facilitar o processo de esquecer o relacionamento que acabou dicas fáceis de seguir: 11 dicas para esquecer um ex 01.  Fique um tempo longe         É difícil esquecer alguém que você vê o tempo todo, por isso é fundamental evitar encontros com o (a) ex. Deixe de frequentar os locais que ele/ ela costuma ir, é claro que em alguns casos isso é difícil como, por exemplo, se seu/sua ex é do trabalho, faculdade ou escola. Entretanto quando for possível evite em vê-lo (a) por