Ads (728x90)

.

Aprendendo a perdoar

Inúmeros são os benefícios do perdão, não apenas para aquele que é perdoado, mas principalmente para quem perdoa. É por esse motivo, que tanto os psicólogos quantos os líderes religiosos orientam aos que lhes procuram que liberem perdão. Entretanto se o discurso é fácil de entender, não é tão fácil perdoar aqueles que nos magoaram. Neste artigo gostaria de falar sobre o processo de perdoar. 

Perdão não é anistia
Muitas pessoas acreditam que ao perdoarem o outro, essa pessoa jamais irá pagar pelas injustiças que ele(a) cometeu. Entenda que quando você perdoa não está retirando a culpa de ninguém, está apenas transferindo a responsabilidade de fazer justiça para outras pessoas ou outras estâncias. 


Remorso só é castigo para você
Quem tem dificuldade de perdoar comumente acredita que a sua mágoa é uma forma de punir aquele lhe prejudicou. No entanto você precisa compreender que sua hostilidade não atinge em nada a outra pessoa. Sim! Apesar de todo o seu rancor, o outro continua levando a vida dele sem se preocupar com a sua opinião. Seu ódio só prejudica você mesmo, ele te faz adoecer e te mantém refém do passado, lhe impedindo de viver um futuro melhor.


 Leia também:
·       Vença a Depressão
·       Melhore sua Autoestima

Ressignifique sua experiência
Às vezes não compreendemos realmente o que aconteceu, não sabemos bem ao certo o motivo pelo qual fizeram conosco o que fizeram. É natural que uma parte de nós se sinta culpada pelo que ocorreu. Nessa situação perdoar parece assumir sozinho(a) a culpa do ocorrido. Por esse motivo faz se necessário que você reconstrua esse passado, não para reviver o sofrimento, mas para dar a ele uma nova dimensão.

O rancor é como uma comida amarga que se come, mas que fica travada na garganta, pois somos incapazes de engoli-la. Para sermos capazes de “digerir” esse prato é necessário primeiro tirar o seu amargor. E somente a ressignificação irá fazer isso. Na postagem Lidando com traumas eu falo um pouco sobre resiliência, que a capacidade de se tornar melhor com as experiências ruins talvez ela te ajude.

De modo geral a psicoterapia e a análise são as formas mais eficientes para ressignificar conflitos e traumas do passado.


Talvez você não tenha razão
Temos a tendência de acreditarmos que somos sempre bons e justos, mesmo o pior dos criminosos inventa todo o tipo de desculpa para justificar os seus maus feitos. Quando falamos de conflitos e brigas a nossa capacidade de sermos razoáveis vai embora totalmente, assim, desconfie das suas certezas e motivos, pois de modo geral elas escondem as fraquezas que possuímos a maior dificuldade de aceitar. Para refletir sobre quem você realmente é lei o artigo Autoconhecimento.

Acusações e autojustificativa são as ferramentas que usamos para provar o nosso ponto de vista, entretanto reconsidere tudo isso de maneira crítica e analise se é você realmente a vítima da situação.


Veja além das emoções
As emoções nos acompanham a todo o momento e por vezes elas nos impedem de ver a realidade como ela é. O ódio a magoa e o rancor turvam a nossa visão dando as coisas uma perspectiva errônea. Quando se consegue suspender os sentimentos e os julgamentos, focalizando unicamente os fatos, é possível ver uma situação não tão ruim quanto imaginávamos. Desse ângulo podemos ver que os nossos ofensores não são apenas vilões, mas vítimas da situação tanto quanto nós mesmos.


Isso não tão simples assim
Consigo imaginar você leitor me respondendo desse modo: “isso não tão fácil”, mas em nenhum momento eu disse que seria. Na verdade, perdoar é algo que requer tempo e trabalho, contudo o bem que isso lhe fará compensa todo o labor.  

Postar um comentário

Blogger
  1. Estou tentando desenvolver o Perdão. Tarefa que confesso não ser a mais fácil. Meu noivo confessou ter me traído com sua ex mulher, e desde esse dia uma mistura de pensamentos tomou conta do meu ser. Fato que agi com a razão ,já que a emoção neste momento não seria uma boa conselheira. Como disse resolvi dar lhe uma chance dois anos e meio de relacionamento não se jogam fora de qualquer maneira. Mas como perdoar é difícil... A todo momento vem a imagem deles juntos.Luto contra meus pensamentos afinal , o amo e entre peso e medidas em nosso relacionamento tivemos mais coisas boas do que ruins. Me ajuda como me livro desses pensamentos ? Quero voltar a olha lo sem lembrar de tudo isso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Busque se fazer feliz. Busca pensar mais em vc. Se faça feliz e não dependa de ninguém para isso.

      Excluir
    2. Isso vai levar tempo, o importante é sempre lembrar que você o ama, e jamais procurar uma saida tentando fazer o mesmo que ele fez. Procure fazer coisas novas, tente voltar à primeira essência do relacionamento de vocês, lembre-se de quando vocês se apaixonaram um pelo outro e comece a praticar as coisas que faziam, sair juntos, voltar à fase da paixão, converse com ele e decidam juntos.

      Excluir
    3. Ola ms... estou passando por isso e como já fazem 2 anos que vc escreveu, gostaria de saber como vc está, se superou esses pensamentos, pq eu tenho a impressão que nunca vou me livrar disso. Poderia me responder? Obrigada.

      Excluir
  2. imagino como isso dói, tenho isso a cerca de um ano, mas estou cada dia melhr. Acho qu só o tempo. Demora, mas passa. Tive uma experiência que quase enlouqueci, mas sarei. Estou em outra, mas cada dia melhor. É devagar, muito devagar, mas quando olho pro começo vejo como melhorei.

    ResponderExcluir
  3. Eu traí meu namorado. E até hoje me pergunto o pq eu fiz aquilo. Ele descobriu, e eu contei tudo. Desde o dia que trai ele, eu fiquei sem chão. Não conseguia olhar pra ele direito. Como de fato óbvio seria, ele se separou de mim. Isso tem 43 dias. Sei o quanto nós dois nus amamos. Mas ele não consegue me perdoar. Pelo fato de que quando eu traí e, eu estava gravida de 3,meses. E isso machuca muito mais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode ter sido o fato dos seus hormônios estarem malucos (por causa da gravidez), pode ter sido por outros conflitos internos a você. O mais importante agora é você conseguir se perdoar:
      http://www.psicologosp.com/2014/10/livre-se-do-sentimento-de-culpa.html
      Se acredita que é hora de esquecer essa relação leia
      http://www.psicologosp.com/2013/08/como-superar-o-fim-de-um-relacionamento.html
      Mas se ainda deseja reconquistar o seu ex veja:
      http://www.psicologosp.com/2014/02/como-reconquistar-o-ex-ou-conseguir.html
      Ou ainda:
      http://hotmart.net.br/show.html?a=U3440823I&ap=a5b8
      Basta copiar os links e colar na sua barra de endereços.

      Excluir
  4. Estou tentando perdoar minha cunhada. Nossa relação, até então, era de amizade... Mas ao longo do tempo, fui guardando pequenas intrigas, coisas que parecia bestas, simples... Mas as "coisinhas" pequenas, juntas, se tornaram grandes e fortes. Difícil combater, até que houve uma grande discussão e nos deixamos de falar. Mais ou menos 2 anos depois, ela falou comigo, e resolvi responder. Daí então começamos a nos falar. Eu achando que tinha perdoada, mas não estava nem estou pronta pra isso. Então analisando que ela haje como se nada tivesse acontecido, acabo me atormentando. Criei uma um sentimento muito ruim dentro de mim. Não sei o que fazer, devo conversar com ela? Tocar no assunto? Será que esse sentimento é ódio? Como tiro isso de mim? Me sinto muito mal com isso! Queria perdoa-la de verdade!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Comece tentando compreender qual exatamente é esse sentimento: desejo de vingança, ódio, inveja... e o que exatamente desperta esse sentimento: quando olha para ela lembra de algo em específico? algum acontecimento em particular? Ao compreender o que lhe incomoda de verdade será mais fácil livrar-se disso.
      Outro ponto importante está no fato de que você está se prendendo muito ao passado, em geral isso acontece com quem não projeta coisas boas para o futuro. Desenvolva algum projeto, corra atrás de algum desejo que automaticamente o passado e as pessoas que te prejudicaram nele perderam a força sobre você.

      Excluir
  5. Eu fui traída pelo meu noivo, na verdade ele diz que traiu porque eu estava numa fase de indecisão, eu não sabia se queria ficar com ele ou não, maltratava muito ele, então ele encontrou outra pessoa e estava começando um relacionamento com ela, e eu descobri, disse pra ele decidir, ele ficou comigo, mas eu não consigo perdoar, fico a todo momento pensando em que momento ele trairá novamente, fico controlando cada passo dele, isto está fazendo mal pra ele e muito mais pra mim.O que faço, eu gosto dele e vejo que esta tentando colaborar.

    ResponderExcluir
  6. Traí meu marido duas vezes com dois homens diferentes em intervalo de dois anos cada.Saí apenas uma vez com cada um mais qdi ele descobriu vieram as fofocas de cidade pequena e me arrumaram uns trinta.Eu tentei me matar qdo ele descobriu e pediu a separação pq qdo fiz fiz por raiva.Quebrei 3 partes do meu corpo e ele resolveu me perdoar mais toda semana é uma briga e ele joga na minha cara direto.Fazem 9 meses mais a vida nossa é um inferno.Mais eu sou doente de amor por ele só q ele não acredita e não esquece.

    ResponderExcluir
  7. Me ajuda, estou num relacionamento ha 2 anos, entre namoro e casamento(união estável) ele tem 26 e eu 31, ele tem baixa estima, e eu sou muito segura, já fui casada, já tive outros 3 relacionamentos sérios, ele teve apenas 1 de menos de um ano, porem ele é extremamente ciumento, possessivo, e cria coisas malucas na cabeça, tem ciume do meu passado, não gosta q eu fale com ninguém,não gosta q saio sozinha, q faça nada sem ele, eu sofeo, pois nunca o desrespeitei, e ele sempre nessa desconfiança, hn estou aqui desesperada pra me separar, sou extremamente rancorosa, e não consigo tentar recomeçar, ele pede perdão todo dia, pois todo dia tem uma briga por causa de ciúmes, e eu sou muito proativa, independente, sei q eu teria q me diminuir, pra ele se sentir mais, porem não consigo.to começando a pegar ódio dele, não consigo mais..... Oq faço.?!!!!

    ResponderExcluir
  8. Fui traída, descobri tem 3 dias. Vi mensagem no celular dele falando pra uma amiga, que é apaixonada por uma menina pedindo o número dela, falando que marcou um encontro com ela, mais ela deu o bolo nele. Essa menina e uma ex ficante, e ele sempre jurou pra mim que não iria me trair que não tem coragem de fazer isso com ninguém, que ele odeia traição, falava tanta coisa de traição que não tinha coragem de fazer, que eu sempre acreditei muito nele, mais resolvi da uma olhada no celular dele é vi essa mensagem, consegui agi super normal com ele depois disso como se não soubesse de nada. Namoramos a 6meses apenas, mais me apeguei demais... O que devo fazer alguém me ajuda?

    ResponderExcluir
  9. A seis meses atrás descobri que o meu namorado estava de conversa com várias mulheres no whatsapp,na hora surtei,gritei,bati nele,só q esuas conversas era antigas.
    Não havíamos assumido namoro sério.
    Mas mesmo assim fiquei brava pq ele ficava cmg e com outras,hoje estamos juntos,quase casados...
    Cheguei a conversar com uma dessas mulheres q ele estava de conversa na época,e ela me garantiu q hoje em dia era só amizade.
    Ok,acreditei!
    Dias depois,os dois estava de papo em uma praça perto da minha casa.
    Eu fui até lá e agredi a mulher sem pensar.
    Deu um problema grande!
    Enfim...
    Ele continuou atrás de mim e aí então assumimos o namoro sério.

    Hoje em dia ele não sai mais como antes,vivo dentro da casa dele e tudo.
    Mas ele tem um mistério com o celular,não me deixa nem ver a cor do celular dele.
    Sério mesmo!
    Mas fora isso não tenho oq questionar,sempre tá co migo, sempre tá dentro de casa e quando não está os filhos me contam.
    Mas eu não confio nele,não de forma nenhuma.
    Eu queria muito saber oq fazer,ele diz q são coisas da minha cabeça
    Mas eu não tiro a idéia da cabeça de q ele ainda me trai...
    Oq eu faço?

    ResponderExcluir
  10. Tenho 42 anos, sou casada (moro junto) há 17 anos com meu marido, temos um casal de filhos de 15 e 6 anos.
    Ele é uma pessoa boa, generosa,carinhoso, companheiro, divertido, as vezes um pouco sem paciência com os nossos filhos e comigo. Trabalha muito, mas nos finais de semana sempre quer sair comigo e com nossos filhos! O sexo sempre se fez presente e é sempre muito bom!
    Dono de um discurso sobre a fidelidade ser a coisa mais importante no casamento e se diz contra a traição.
    Mas há 1 semana, precisei usar o celular dele, na hora que ele recebeu uma mensagem de um colega de trabalho perguntando se ele tinha dado o presente para a fulana (ele viajou com esse colega para um congresso e trouxe presentes para mim e nossos filhos). Foi então que resolvi ler as mensagens anteriores e descobri que ele me traiu com essa moça.
    Perguntei pra ele quem era e porque ele tinha feito aquilo, eu disse que eu li as mensagens, mas ele as apagou e me jura que não existe ninguém e que não trouxe presente pra ninguém e que se eu li alguma coisa era algum tipo de brincadeira com o colega. Disse que eu sou a unica na vida dele e que ele nunca se envolveu com ninguém, porque me ama muito e eu o completo em tudo. Me pediu pra não deixa-lo. Mas eu SEI o que EU li, e me doeu muito, estou há uma semana sem conseguir comer (quando tento, vomito em seguida) e só faço chorar, confiava de olhos fechados nele. Nunca fucei celular, nem carteira, inclusive dava força pra ele sair com os amigos!
    Eu não quero me separar, pois o amo muito e não imagino minha vida sem ele. Mas não estou conseguindo perdoar e esquecer, quando ele me encosta me dá raiva, não consigo nem mais beija-lo. Fico imaginando situações dele com a tal moça.
    Ele pede desculpas o tempo todo, e repete que foi brincadeira com o colega.
    Preciso tirar essa dor, esses pensamentos e essa mágoa de mim, não quero ficar a neurótica ciumenta, e nem entrar em depressão, mas não estou sabendo lidar com isso.
    Nem sei se alguém irá ler, muito menos me responder...Mas não tive coragem de contar á ninguém, acho que por vergonha sei lá, ou medo, porque não quero e nem vou me separar e me julgarem por isso.

    ResponderExcluir