Dicas de paquera para tímidos,

Dicas de paquera para tímidos

        De todos os problemas que a timidez acarreta, nenhum é tão incomodo do que a dificuldade em ter uma vida amorosa. A arte da paquera e sedução é complicada para todo mundo, mas para os tímidos ela é ainda pior. A grande dificuldade do tímido na hora da paquera e da conquista é saber como se aproximar da outra pessoa, por essa razão vamos passar um guia passo a passo de como fazer isso.

1°. Passo: O olhar
        Todo e qualquer relacionamento começa em um simples olhar. Com o olhar você descobre alguém de que gosta e se esse alguém pode gostar de você. A base da paquera e conquista é o olhar.

Como fazer: Olhe para a pessoa na qual está interessada. Em geral os tímidos desviam o olhar assim que notam que foram “descobertos”. Não faça isso! Quando estiver paquerando, a intenção é fazer com que a outra pessoa saiba que você está interessado(a) nela. Isso não quer dizer que precisa ficar olhando fixamente, pois isso pode causar certo desconforto, quando notar que a outra pessoa notou que está olhando para ela segure o olhar por alguns segundo e desvie o olhar, repita esse processo algumas vezes. Se a outra pessoa olhar de volta é um sinal de se que você chamou a atenção.




2°. Passo: O sorriso
        Sorrir faz com que os outros simpatizem mais com você e até de deixa mais interessante, por isso é sempre bom sorrir, principalmente para quem se está tentando conquistar. O sorriso é uma mensagem de que você gosta da pessoa ou simpatiza com ela.

Como fazer: complemente o seu olhar com um sorriso, mas apenas se perceber que a pessoa também está olhando para você, com um olhar de interesse.
·       Como fazer a mulher que você gosta se interessar por você?

3°. Passo: Aproxime-se
          Não dá para se manter uma relação à distância e por isso você vai precisar se aproximar da pessoa que te interessa, em alguns casos (principalmente se você for mulher) a outra parte irá se aproximar, porém nem sempre dá para se contar com isso.

Como fazer: procure estar nos mesmos locais (não exagere) da pessoa na qual está interessada (o),  isso aumenta a possibilidade de vocês dois terem algum contato direto. Arrume uma desculpa para se aproximar, uma pergunta sempre dá certo, lembre-se de ter mais coisas para segurar a conversa.
             ·       A arte de conversar com qualquer pessoa

Se liga! Só vá para essa fase se perceber que a outra pessoa está correspondendo aos seus olhares e sorrisos, caso contrário corre grande risco de levar toco.

4°. Passo: Toque
             O que diferencia um (a) amigo (a) de um (a) namorado (a) é justamente a intimidade que o toque proporciona. O tocar também ajuda saber se a sua relação pode partir para algo mais ou se vai ficar na amizade.

Como fazer: comece devagar, experimente tocar braço com braço e veja a reação, se a pessoa se afastar então pare não vai rolar nada, tente tocar o braço com as mãos, após isso abraços, acariciar cabelos, tocar a cintura, rosto etc.. Lembre de que no momento em que a pessoa fugir dos seus intentos você deve parar.

5°. Passo: A declaração
      Pode até ser que a está altura a outra pessoa já tenha pedido para ficar com você, mas a vida não é tão fácil assim (principalmente se você for homem), por isso a famosa e temida declaração precisa ser feita, só assim se tem absoluta certeza se pode acontecer algo entre vocês.

Como fazer: Convide a pessoa para ficar em um local em que vocês terão privacidade, se você foi claro (a) nas etapas anteriores a pessoa já saberá do que se trata e se não quiser conversar é por que não está interessada. Diga o que sente pela pessoa, mas não seja piegas e não force a barra, evite coisas “como eu te amo” ou estou “apaixonado (a)” isso causa certo desconforto no outro, prefira algo como gosto de você, te acho linda (o), quero ficar com você etc. Não se preocupe em fazer um discurso perfeito, o que importa é passar a ideia.
Leia também: 
·         Vença a timidez
·        Teste você é tímido?

 6°. Passo: O beijo
         O beijo em geral finaliza todo o processo de paquera e conquista, claro que nem sempre, mas se você é tímido e chegou até aqui já fez um grande progresso.

        Como fazer: Depois de declarar a sua intenção verifique a reação da pessoa, se ela disser sim ou se sorrir e permanecer no mesmo lugar se aproxime dela o máximo que puder. Se pessoa não se afastar você está indo bem, aproxime o seu rosto do roto da pessoa, toque-a (um toque mais ousado, talvez um abraço). Pergunte posso te beijar?
Variação para mulheres: se aproxime, olhe nos olhos dele e pergunte (meio que pedindo) me beija?

Finalizando
        Se a pessoa concordar ou se parecer em dúvida você pode se aproximar e beija – lá, se ela te evitar (ainda existe essa possibilidade) peça desculpas e saia, se ela estiver minimamente interessada irá atrás de você. Se não mergulhe de vez nos lábios dela (e).

O beijo: um manual rápido

        Muitos tímidos temem exatamente esse ponto das relações o beijo. Sim alguns evitam qualquer tipo de contato exatamente por terem medo de beijar. Beijar só se aprende na prática, mas vamos dar algumas dicas para você deixar de ser BV sem passar vergonha.

Antes do beijo
        Mantenha a calma: não entre em desespero nem fique nervoso (a), quanto mais calma você tiver mais facilmente as coisas irão acontecer.
        Não existe beijo perfeito: um beijo é como uma assinatura ou impressão digital, cada um tem o seu jeito de beijar, que é diferente de qualquer outro, por isso não fique se prendendo muito a forma correta de beijar.
        Não fique pensando no que vai acontecer depois: Não importa o que vai acontecer depois do beijo concentre-se no agora, viva o momento presente delicie-se com ele. Se sua mente estiver em outro lugar vai ser menos prazeroso para você e para a outra pessoa.

O beijo em si       
         Aproxime-se da outra pessoa até que os seus lábios possam tocar (mas ainda não toque) os dela (e), abra lentamente a sua boca e encoste os seus lábios nos da outra pessoa. Introduza a sua língua na boca da outra pessoa e toque a língua dela.
       Não é para deixar a sua língua parada, precisa movimentá-la enroscado pela outra língua. Não pare por ai, tente tatear com a sua língua toda a boca de quem está beijando: dentes gengivas bochechas, quanto mais movimento a sua língua tiver melhor.
        Beije também os lábios dele (a), uma mordidinha de leve na língua ou nos lábios pode ser interessante (quando a pessoa te olhar com cara de surpresa faça dê um olhar sedutor).

Vá além do beijo
          O mundo não para dentro da sua boca, por isso lembre-se abraçar quem está beijando com vontade e intensidade.
        Acaricie os cabelos, ombros, costas, cintura, barriga, etc. As garotas podem ainda tocar o peito do rapaz, para os meninos isso depende de ter mais intimidade entre o casal.
        E o beijo com pegada?   O chamado beijo com pegada nada mais é do que aquele quem dado com muito desejo e vontade ir mais além. Por isso na hora que estiver beijando se solte e deixe-se levar pelo prazer de estar ali.

Comece com pessoas que não te interessam muito
     
       Treine flertar com pessoas que não te deixem muito intimidado (a), gente com os quais você não se importaria em tomar um fora: desconhecidos (as) em uma festa, frequentadores (as) de um, a balada, resumindo homens ou mulheres com os quais você dificilmente vai se encontrar novamente e não fazem muita falta na sua vida, se você tomar um “toco” não vai ser tão doido assim. Lembre-se: para conseguir o que há de melhor nessa terra é preciso perseverança.