Dicas de paquera para tímidos

   Essa é com certeza a pergunta que mais fazem nos comentários do Psicologo.com: “como faço para perder a timidez na hora da paquera?” ou “Como deixar de ser tímido com as meninas?” já prometi para muita gente que ia falar sobre isso então espero que essa postagem solucione o seu problema. 

Tímidos ou extrovertidos?
     Ao contrário do que você possa imaginar homens falastrões e mulheres tagarelas não são a preferência quando o assunto é paquera ou romance. Tanto homens quanto mulheres dão preferência para quem fala menos e age mais. Aparentemente pessoas “atiradas” são mais bem sucedidas na vida amorosa, mas isso acontece por que elas tentam mais e não por que são mais interessantes. Então não acredite que você tem menos chances por ser tímido(a). É evidente que se sua timidez é excessiva você vai ter dificuldade em se aproximar das pessoas, então não custa nada trabalhar isso:

Conheça o outro lado
    Homens e mulheres pensam e se comportam de forma diferente, isso é um fato! Por isso você não vai ser bem sucedido tentando falar com uma mulher da mesma forma que fala com um homem e vice versa. O que se deve fazer é entender do que as pessoas do sexo oposto gostam e do que falam. Não adianta querer generalizar pensando que meninos só falam de futebol e meninas de novelas, isso muda muito de acordo com a idade e classe social.  Comece a se “infiltrar no terreno inimigo”, fazendo mais amizades com pessoas do sexo oposto. Tente começar conversando mais com o seu irmão ou irmã e fazendo amizade com os (as) amigos (as) dele (dela).
    Prossiga fazendo amizades com pessoas da escola, trabalho clube etc. quanto mais gente do sexo oposto você conhecer menos vai se sentir intimidado (a) conversando com pessoas do perfil que chamam a sua atenção.
Como conversar com uma mulher
Como conversar com um homem

A maneira mais fácil de começar
     Toda e qualquer paquera ou flerta começa com a coisa mais simples e você por mais tímida (o) que seja já fez isso: o olhar. Sim, através do olhar é que sabemos se encontramos algo de que gostamos. Introvertidos tendem a desviar o olhar assim que notam que alguém está olhando de volta. De agora em diante não faça mais isso, ao invés de fugir como se estivesse fazendo alguma coisa errada persista no olhar por mais alguns segundos. Eu disse “segundos” não horas, não fique encarando as pessoas feito um (a) serial killer, mantenha uma expressão amigável no rosto. Se a pessoa não se interessar por você ela vai desviar o olhar, caso contrário ela vai sorrir e talvez até venha puxar conversa.
Encontre seu amor 
Sorria
    É cientificamente comprovado que sorrir faz com que as pessoas se tornem mais atraente e pareçam mais amistosas (duh!). O sorriso ajuda o outro entender que você simpatiza ou tem interesse por ele (a), por isso assim que notar que alguém interessante está te olhando sorria. Isso aumenta muito a chance dessa pessoa se aproximar de você e melhora o resultado aproximações futuras. 
Aprenda a ser mais sociável 

Fique próximo (a)
    Se você já tem um alvo específico não perca a oportunidade de estar no mesmo ambiente que ele ou ela. Entre no grupo de estudo que ele (a) estiver, almoce no mesmo restaurante, tente sair no mesmo horário e por ai vai. Não é para ser uma perseguição implacável só aumente as chances de essa pessoa te notar. Também é comprovado que quanto mais vemos uma pessoa mais ela se acostuma com suas feições e você passa a parecer mais bonita (o) para ele ou ela. 
Puxe assunto
    Calma! Comece com coisas simples do tipo que não precisa muita intimidade, como perguntar coisas banais que sejam de interesse comum dos dois, coisas da escola, do trabalho ou se já passou o ônibus. Em treinos de habilidades sociais (THS) essa é uma tarefa de casa passada pelo terapeuta para pacientes tímidos.   Ao longo de conversas rápidas surgiram oportunidades de conversas mais longas e descobrir interesses em comum.
    Para meninas: meninos costumam fazer brincadeiras bobas e piadinhas sem graça, essa forma de pegar no pé pode ser um modo imaturo de dizer que ele gosta de você, por isso não fique nervosa ou chateada.
Toque
     Quando tiver mais intimidade com a pessoa experimente toca-la, colocar a mão de leve sobre o ombro ou encoste quando ela estiver perto, se a pessoa não recuar vá aumentando a freqüência do toque com o passar do tempo, mas não seja muito audacioso (a), se outra pessoa estiver interessada ela vai corresponder à investida.
    Para os meninos: quando a menina está interessada, por vezes ela cria situações para que você a toque: “sente como meu cabelo está macio” ou “sente meu perfume” (oferecendo o pescoço) isso é muito obvio, mas pessoas inseguras costumam não acreditar que estão sendo assediadas.

O beijo (um guia rápido)
      Muitas pessoas chegam a esse blog por causa de uma resposta feita a um rapaz a respeito do beijo. Como é de interesse de tanta gente não custa falar:
    Qual é hora de beijar? Antes do beijo é necessário criar um ambiente, dependendo da pessoa vai ser preciso estar em um local que ela considere seguro, porém que tenha privacidade. Geralmente os primeiros beijos acontecem em locais um pouco afastados da roda de amigos e familiares. Fale para pessoa que gostaria de ir a um lugar com mais privacidade, se ela topar você percorreu mais que a metade do caminho. Uma estratégia menos agressiva é convidar a pessoa para dar uma volta, quando você encontrar um lugar apropriado convide a pessoa a se sentar.
    Lembra-se o que foi dito sobre o toque? Você repetir o procedimento de aproximação até que consiga abraçara outra pessoa. Não é para agarrá-la! A outra pessoa precisa corresponder e não resistir a sua investida. Se continuar seguindo tudo bem aproxime seus lábios até o beijo. Pronto!
  
Comece com pessoas que não te interessam muito
     Treine flertar com pessoas que não te deixem muito intimidado (a), gente com os quais você não se importaria em tomar um fora: desconhecidos (as) em uma festa, frequentadores (as) de um, a balada, resumindo homens ou mulheres com os quais você dificilmente vai se encontrar novamente e não fazem muita falta na sua vida, se você tomar um “toco” não vai ser tão doido assim. Lembre-se: para conseguir o que há de melhor nessa terra é preciso perseverança.
Leia também: 
3 dicas de paquera para tímidos        

Cesar Augusto S. Borella. Tecnologia do Blogger.

Quem sou eu

Copyright © Psicologo.com

É PROIBIDA A REPRODUÇÃO TOTAL OU PARCIAL DOS ARTIGOS DO PSICOLOGO.COM SEM A AUTORIZAÇÃO EXPRESSA DO AUTOR