Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2012

Aprendendo a lidar com as perdas da vida

Imagem
Elaborando as perdas       Todos nós já sofremos com alguma grande perda na vida, seja um divórcio, a morte de um ente querido, o desemprego, falência ou até mesmo a aposentadoria. Todas essas situações são devastadoras e podem acabar com a esperança de qualquer pessoa. Mas algumas atitudes e perspectivas ajudam a minimizar essas experiências. Em alguns casos ajudam a torná-las mais positivas:

Quando a mentira vira doença

Imagem
Quando a mentira vira doença      Por que o meu filho mente tanto e sem necessidade? Essa é uma das perguntas que eu mais ouço no meu trabalho. E a resposta nunca é a mesma, isso por que existem diferentes motivos para as mentiras surgirem. Existem casos em que o individuo é incapaz de dizer a verdade, ou tem a compulsão por mentir, são chamados mentirosos compulsivos ou mitômano: Por que as pessoas mentem?      Talvez os mais moralistas vão dizer que: “sempre devemos dizer a verdade”, é fato que todos nós mentimos muitas vezes ao longo da nossa vida. Mentimos por que a verdade nos é inconveniente, para não magoar as pessoas, para evitar conflitos entre terceiros, ou por tantos outros motivos que possam existir. O certo é que se todos falassem apenas a verdade à vida em sociedade seria muito mais difícil, talvez até impensável. O medo da punição é provavelmente a causa mais comum para as mentiras. Após fazer algo que um indivíduo acredita ser reprovável ou passível de cas

Como controlar a raiva: Dicas e técnicas para não explodir

Imagem
5 Passos Para Controlar a Raiva Passo 1: Admita a raiva     Esse primeiro passo parece até meio bobo, pois é muito fácil saber que está com raiva, não é? Nem tanto... Não é sempre fácil admitir que se estamos irritados, e fica pior se alguém diz: “você está bravo”, nesse momento então ficamos ainda mais nervosos. Isso por que apreendemos que a raiva ou ira é um sentimento muito ruim, e que devemos sempre nos controlar. No entanto enquanto você não admite que está com raiva vai tomar decisões precipitadas das quais irá se arrepender depois. O ideal é que você admita conscientemente: “Estou nervoso, o que é que vou fazer agora?”.   Esse simples fato já faz com que você pense melhor, mas vamos prosseguir com as outras atitudes.  Leia Também: Como Controlar as Emoções Aprenda a Controlar os pensamentos   Livre-se das preocupações e ideias ruins    Passo 2: Segurando a explosão    A raiva em si já pode ser muito destrutiva, mas o pior é que quando estamos dominados